Seguidores

segunda-feira, 3 de outubro de 2011

Poetas da Nossa Terra





DIETÉTICAS



Todos os dias alimento uma paz pequena:

não é dar-lhe asas de voar,

mas comida verdadeira

 

Poucos sabem das suas preferências:

às vezes um pouco disto,

outras um pouco daquilo,

e a minha paz pequena vai crescendo

e engordando

 

Alimentando-a do que realmente gosta,

de quando em quando receio dispepsia,

que fique obesa e larga:

e urgentes as dietas

 

Para já, a proporção peso-largura

está correcta, mas temo pelo resto:

uma ruptura stibita, ou fome

desmedida que a conduza sozinha

a procurar comida,

tornando-a viciada e vulnerável

 

Muito gorda, sem eficácia nenhuma,

prevejo-a, anti-bulímia,

mas em bruma,

tão sartreanamente

irrecuperável

 
ANA LUÍSA AMARAL, Às Vezes o Paraíso, 

7 comentários:

Sonhadora (Rosa Maria) disse...

Meu querido amigo

Adorei este poema de Ana Luísa Amaral, como sempre as escolhas são maravilhosas.

Deixo um beijinho
Sonhadora

Isamar disse...

Uma poetisa contemporânea da minha preferência e um belo poema.
" Todos os dias alimento uma paz pequena.."
Bonito verso nos tempos conturbados que vivemos.
Alimentemos todos a paz, o amor, a amizade...

Bem-hajas!

Beijinhos

LOURO disse...

Lindo poema de Ana Luisa Amaral!!!
Parabéns pela escolha...

Boa semana!

Abraço
Lourenço

piedadevieira disse...

òtima escolha.
Beijos

Albertina Granja disse...

A paz é necessária...., muito necessária..., seja ela pequena, magra ou gorda....., não interessa..., o que precisamos é de paz..., muita paz...
Andrade, foi mais uma bela escolha...
Parabéns...

Mara disse...

Zé meu querido, boa noite!
Que tipo de Paz, não importa!A verdade é que não consigo viver sem ela.
Poema belíssimo.
Deixo-te o meu carinho nas palavras de Bob Marley.

Eu só quero viver em paz e usufruir do que Deus nos deixou no mundo, não preciso de riquezas materiais para ser feliz. Apenas quero sentir o que Deus nos fala em nossos ouvidos em um simples soprar do vento.
Bob Marley
Beijo,
Mara

Marcia M disse...

Belo e o teu post e bem realista!Um grande beijo!