Seguidores

quinta-feira, 17 de janeiro de 2013

Poetas da Nossa Terra






Respiro o teu corpo
 
 
Respiro o teu corpo:
sabe a lua-de-água
ao amanhecer,
sabe a cal molhada,
sabe a luz mordida,
sabe a brisa nua,
ao sangue dos rios,
sabe a rosa louca,
ao cair da noite
sabe a pedra amarga,
sabe à minha boca. 
 Eugénio de Andrade

************************************ 
 

4 comentários:

isa disse...

Gosto mt do teu convidado de hoje.
Grande Poeta que tão bem canta a Vida!
Beijo.
isa.

Sonhadora (RosaMaria) disse...

Meu querido amigo

Mais um grande Poeta que admiro muito.


Um beijinho com carinho
Sonhadora

Albertina Granja disse...

Sou, desde sempre, uma fã "daquelas" de Eugénio de Andrade....!!!
E este...., é mais um belo poema....!!!
Foi uma óptima escolha Andrade.....

tulipa disse...

ADOREI
este bocadinho que estive aqui
na sua companhia.

Bebi Eugénio de Andrade.
Obrigado pela partilha!

Passo, quase como
numa despedida
a Vida
por vezes
prega-nos partidas!

Não tenho mais palavras.
Perdoe-me qualquer coisinha.

Muito obrigada pelas visitas que fez aos meus blogues em 2012
...
Acho que nunca agradeci
como devia ser,
às pessoas que me visitam,
nunca é tarde para o fazer.
...
Peço desculpa
pela minha demora em o visitar e retribuir as suas visitas aos meus blogues.

http://pensamentosimagens.blogspot.pt/
são pouquíssimas pessoas que visitam este blog.
NÃO VOU DESISTIR do blogue,
só caso fique mesmo cega,
mas enquanto for vendo alguma coisa, os meus planos é fazer 1 post por mês.

Começou 2013 e eu estou muito mais afastada da blogosfera,
devido ao meu problema de saúde, nos olhos,
estou completamente proibida de estar mais que 1h no computador e eu pergunto:
o que é 1 hora para quem estava habituada a 6 horas por dia,
ao fim de semana...?
Nada.

Caso visite o blog
MOMENTOS PERFEITOS tem lá a explicação do volte face que a minha vida deu,
infelizmente para mim.

Beijinho e bom fim de semana.
Até sempre!