Seguidores

domingo, 25 de setembro de 2011

Poetas da Nossa Terra




Vinham ao fim do dia,
Talvez chamados pelo brilho
dos dentes, ou das unhas,
ou dos vidros.

Eram de longe.
Do mar traziam
o que é do mar: doçura
e o ardor nos olhos fatigados.

Chegavam, bebiam
a púrpura dos espelhos
e partiam.
Sem declinar o nome 

9 comentários:

Isamar disse...

Que lindo poema, amigo! Eugénio de Andrade, o inesquecível poeta da foz do Douro, embora de lá não fosse natural, é um dos Grandes da poesia contemporânea. Tal como Sophia, Miguel Torga, O`Neill faz parte do friso maior desta linguagem fantástica, mágica, fabulosa que me deslumbra.
"Eram de longe.
Do mar traziam
o que é do mar: doçura ..."
Lindooooooo!!!!

Bem-hajas!

Beijinho

Mara disse...

Boa tarde Zé!
Eugénio de Andrade é sempre uma ótima escolha.
Esse eu não conhecia e gostei muito.
Beijo carinhoso e bom domingo pra ti.
Mara

Um Toque de Afeto disse...

Olá Amigo...

Fazes boas escolhas dos poemas, gostei muito do teu blog.

E Obrigada pela visita no meu blog, Seja Bem Vindo Sempre! Se quiseres me dar a honra de seguir-me ficarei muitíssimo Grata, desde já! Fique à vontade!
Beijos no coração e Muita Luz!
Lecy'ns

Albertina Granja disse...

É sempre um prazer ler a poesia de Eugénio de Andrade.
Este poema não conhecia...!!!!, mas gostei..., fala do mar..., gostei muito.....

Solange disse...

é de um encanto ímpar, tudo o que vc coloca aqui..

bjs.Sol

piedadevieira disse...

Esse é simplesmente maravilhoso.
Leu mais um do Quintana, mandei especialmente para você.
Beijos

Ana Tapadas disse...

Amigo,
hoje não consegui abrir o seu outro blogue e ainda bem que aqui venho, pois adoro Eugénio e, curiosamente, estamos em sintonia.

beijinho

Maria disse...

Eugénio de Andrade é sempre uma excelente escolha, não conhecia este poema, gostei muito.
Hoje vim especialmente também para agradecer o seu carinho por ter comemorado comigo o aniversário do meu filhote, deixando a sua preciosa mensagem.
“Se planta uma semente de amizade, recolherá um ramo de felicidade (Lois L. Kaufman)”
Bom fim de semana
Beijinhos
Maria

Sonhadora disse...

Meu querido amigo

Adoro Eugénio de Andrade e como sempre escolhe bem os poemas.

Deixo um beijinho
Sonhadora