Seguidores

terça-feira, 15 de setembro de 2009

Proverbios

VINDIMAS


&-Até ao lavar dos cestos é vindima.

&-Folgar galinha, que o galo é na vindima.

&-Gaba-te cesta rota, que vais para a vindima.

&-O velho põe a vinha e o velho a vindima.

&-Poda em Março, vindima no regaço.

&-Quem com o demo cava a vinha,

com ele a vindima.

&-Quem em ruim parte tem a vinha,

às costas tira a vindima.

&-Rainha é a galinha,que põe os ovos na vindima.

&-Ramo curto, vindima longa.

&&&&&&

4 comentários:

Isa disse...

Bom dia!
Gostei deste conjunto de Provérbios
Muito interessantes.
Beijo.
isa.

Cris Michelon disse...

Amigo!!!
•Feitas as vindimas guardam-se os cestos.
bjs

Vivian disse...

AS VINDIMAS DA NOITE

As ancas, os ombros, as falésias flutuariam, na noite onde se despenham as ravinas,
o corpo insidioso arrastando o mar, a boca, os joelhos sonâmbulos,
os barcos que se cobrem de limos, grãos de areia,esquecimento.

As harpas do horizonte
ergueram-se já, como árvores frondosas.
Nas colmeias de sangue, fervilha
a rosa, a corola verde,
o tumultuoso nome, o timbre infinito.

As ancas, os ombros, as falésias flutuariam, na noite, no vazio errante de um coração silábico
que se abre, suspenso, por dentro das estrelas, à deriva.

No vazio leve das miragens, esconde-se,
nas vindimas da noite,
o corpo dormente da eternidade
que rebenta, silenciosa,
nos punhais ébrios de salsa, cinza,
aspergindo, na névoa minuciosa,
o ruir das telhas, entre ervas, dedos, acariciados lentamente.

Maria do Sameiro Barroso.

...deixo-te aqui um pouco
de poesia portuguesa com certeza!

rss

a propósito...
o que é perder no amor?

bj, menino!

Abraão Vitoriano disse...

hum...
adorei todos!

e seu blo inteiro é bom e cheio de reflexos...

abraços,
e continuemos...